quarta-feira, 26 de maio de 2010

Noite e Dia


Uma sucessão infinda de flashes incompreendidos
Os meus pensamentos são turvos.
Sinuosas. Incontáveis estradas, ando perdido.
Os meus caminhos são curvos.



Eu já não escrevo versos
As palavras me sucumbem o intelecto.
Eu já não escrevo cartas
A rotina desvairada me cansa, me farta.


Minha cabeça sempre tão inquieta e eu refém.
Hoje percebo a maçante monotonia
dos mesmos pensamentos fixados em alguém
noite e dia, noite e dia, noite e dia...


Como alguém cansado que se entrega ao sono
Eu perdi o controle justo quando encontrei você.
Caminhei sedento na ânsia de pertencer. Eu quis ser o seu dono
E os medos cresceram quando que vi que o podia ser.


Quando eu dei por mim, tarde de mais.
Caminho sem volta.
Fez, refaz, desfaz...
Torna a fazer... Eu entrei pela porta.


Eu escolhi você.

Texto Por: Gisele Moura
Imagem: Google

Um comentário:

  1. eu escolhi vc....sou teu fã... Te amo e vou musicar....bjos

    ResponderExcluir